DICA DE CINEMA-ELA

Em sua obra cinematográfica, filme após filme, o norte-americano Spike Jonze tenta abordar a incomunicabilidade entre as pessoas. Desde sua estreia em Quero ser John Malkovich (1999), até seu recente Onde vivem os Monstros (2009), os personagens procuram meios de fuga e não encarar o outro de frente. Ao mergulharem em seus mundos imaginários, encontram o consolo, a paz, o prazer que aqui, no mundo real, procuram e não acham. Seu novo longa Ela segue na mesma linha.

Ela também é uma ficção científica, e, como tal, investiga o nosso presente falando de um futuro provável. Para um filme sobre a dificuldade de comunicação e expressão de afetos, este é calcado no diálogo – o que soaria paradoxal, não fosse o fato de que muito se fala, mas pouco se diz (entre dois humanos). É com Samantha que Theodore rompe suas barreiras, suas melancolias, e reencontra a si mesmo – enfim, é preciso se apaixonar por uma máquina para ele se lembrar do humanismo que existe dentro dele mesmo. Desta forma, o filme de Jonze faz parecer que é nessa direção que a humanidade está caminhando.

DICA DE CINEMA-12 ANOS DE ESCRAVIDÃO

O drama 12 anos de escravidão é, ao mesmo tempo, tão familiar e tão único no seu retrato da escravidão nos Estados Unidos. Familiar ao abordar um assunto tão caro ao cinema – mas único, em sua abordagem sem meios-termos ou concessões. Aqui, não encontramos o escravo de bom coração, como em “... E o vento levou”, ou o destemido como no recente Django Livre. Este é o perfil de Solomon Northup (Chiwetel Ejiofor), negro que nasceu livre e acabou sequestrado e vendido como escravo em 1841.O filme retrata a escravidão como um sistema social e comercial de dominação e produção, no qual não pode existir o proprietário bondoso, nem o escravo feliz. Para que as engrenagens econômicas funcionem, é preciso existir dominadores e dominados – e, nesse sentido, o filme derruba mitos e visões romantizadas do assunto perpetuadas pelo cinema norte-americano.

 
[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]
Meu Perfil
BRASIL, Sudeste, RIO DE JANEIRO, COPACABANA, Homem, de 20 a 25 anos, Portuguese, English, Arte e cultura, Livros
MSN -